Festival de saladas na zona rural de Juiz de Fora


:: TM Especiais em 06/01/2018 07:03 ::

gregomineira-e1515171239982.jpg salada-margherita.jpg salada-%C3%B3tima-e1515171329127.jpg pasteis-e1515171307182.jpg
<

>



além de pastéis de tilápia de entradinha ( Fotos: divulgação)

Cada vez mais, a gastronomia tem se voltado para o que vem sendo chamado por um nome tão simples quanto preciso: comida de verdade. Nesta onda, são valorizados insumos orgânicos, temperos naturais e produtores locais. Seguindo esta pegada e trazendo cardápios que condizem com a leveza que se espera de uma comidinha de verão, o Polo Ecológico e Gastronômico do Rio do Peixe (que engloba Monte Verde em Torreões (em JF), a cidade de Belmiro Braga e arredores) realiza, durante toda a estação, o Festival Riquezas do Verão, em que as saladas serão as estrelas dos cardápios, aliadas a sucos, chás gelados, cervejas especiais e outros clássicos dos tempos de calor. Todas elas priorizam ingredientes produzidos por hortifrutigranjeiros da região, cultivados sem agrotóxicos.

Fog%C3%A3odaSerra-Crocante-e1515171597715.jpgFogão da Serra traz salada Crocante, com tirinhas grelhadas de mignonFog%C3%A3odeLenha-M%C3%BAltipla-e1515172068604.jpgPrato do Fogão de Lenha serve dois e tem elementos tradicionais alface, tomate, cebola roxa, azeitona preta, ervilha e mozarela

No Bistrô Colher de Chá, na Fazenda Confraria Parque Ecológico e Criativo, em Monte Verde, três saladinhas integram o menu: a Greco-mineira leva azeitona preta, tomate-cereja, queijo de minas padrão, salsa e picles de pepino. Já a Ótima tem um quê de tropical, com manga, palmito, queijo prato, alface americana e molho artesanal da casa. Clássica, a Marguerita é feita com tomate-cereja, mozarela, manjericão, pesto de manjericão e alface americana. A casa ainda tem, como sugestão de entrada, os pastéis de tilápia com aquarela de pimentas, levíssimos e cheios de sabor. As saladas são a atração principal do evento, mas os restaurantes oferecerão outras opções do cardápio, além de desenvolverem novas saladas ao longo do festival, para que o processo de experimentação gastronômica seja contínuo.

Seguindo o baile das saladinhas, o Fogão da Serra, na entrada da MG -353 que vai para Belmiro Braga, criou a elaborada Crocante, com tirinhas de filé mignon grelhadas, alface, rúcula e repolho picados, servidas com pepino japonês ao molho shoyo, tomate-cereja, passas, cebola e gergelim, acompanhada por molho picante. Especialmente para o evento, o Na Brasa, em Torreões, sugere a ousada Tropicana, que pode ter base de batata inglesa, batata-doce ou inhame e é acompanhada por brócolis, cebola, pimentão, tomate-cereja, queijo de minas, salsa, ovo, banana, morango e laranja. Acompanha molho picante.

PPRioClaro-Sazonal-e1515171859159.jpgSalada do Pesque e Pague Rio Claro leva folhas, queijo minas padrão, manga e molho da casa

O Pesque e Pague Rio Claro, na MG-353, entrada de Pires, apresenta a Sazonal, com alface crespa e roxa, rúcula, manjericão, tomate-cereja, queijo de minas padrão, alho-poró, pimenta-biquinho, ovo caipira, manga e molho da casa. Refrescante, a salada Tropicália, do Restaurante 7 Ervas, no km 7 da Estrada de Belmiro Braga, é preparada com brócolis, tomate-cereja, alface rasgada, rúcula, manga, frango desfiado, parmesão, milho-verde e salsa. É servida com molho de azeite, mostarda e manjericão. Numa linha mais tradicional, a salada Múltipla, do Fogão de Lenha, na MG -353, na altura de Torrões, leva alface, tomate, cebola roxa, azeitona preta, ervilha e mozarela, e serve duas pessoas.

Comer e pensar

NaBrada-SaladaTropicanaQ-e1515172295764.jpgSalada Tropicana, do Na Brasa, propõe mistura ousada de frutas e vegetais

Além da programação essencialmente gastronômica, também estão previstas rodas de conversa e pequenas palestras aos sábados, com foco em dicas para desenvolver bons hábitos alimentares com prazer. Atrações como parquinhos, balneários, trilhas, tirolesas, escaladas e a original bicicleta voadora, da Fazenda Confraria, estão à disposição dos visitantes. Alguns restaurantes permitem acesso à queridinha do verão: a piscina.

O festival tem apoio da Prefeitura de Juiz de Fora, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedettur), da Prefeitura de Belmiro Braga e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) na Zona da Mata.

Evento paralelo

tropic%C3%A1lia-7-ervas-e1515172449743.jpgCriação do 7 Ervas tem brócolis, tomate-cereja, alface, rúcula, manga, frango desfiado, parmesão, milho verde e salsa

Em uma iniciativa paralela ao Riquezas do Verão, a Fazenda Confraria (onde fica o Bistrô Colher de Chá) receberá no sábado, dia 20 de janeiro, o Mercado Todo Vapor, feira que surgiu em São João del Rei e reúne produtores e artesãos de Juiz de Fora e região, em arte, moda, artesanato e gastronomia. Também na vibe de verão, o evento será realizado ao ar livre, das 11h às 18h e, além dos expositores, que ainda não foram divulgados, haverá música ao vivo com Caetano Brasil & João Paulo Lanini. Para ficar de olho na programação, acesse facebook.com/mercadotodovapor.

Como chegar

Bistrô Colher de Chá
Fazenda Confraria Parque Ecológico. Rodovia MG-353, km 114, Monte Verde, Juiz de Fora
(21) 99314-6352

Pesque e Pague Rio Claro
Rodovia MG-353, km 122 (entrada de Pires), Monte Verde, Juiz de Fora
(32) 98407-8407/ (32) 98705-3455

Fogão de Lenha
Rodovia MG- 353 Km 116. Torreões, Juiz de Fora
(32) 99992-6577 ou 3211-6577

Restaurante Fogão da Serra
MG-353, km 101 (Em frente à Fazenda São Mateus). Torreões, Juiz de Fora
(32) 99951-0686

Na Brasa
Rua Nossa Senhora da Penha 45. Torreões, Juiz de Fora
(32) 99184-2775

Restaurante 7 Ervas
Estrada de Belmiro Braga, km 7, Belmiro Braga
(32) 99926-0170

The post Festival de saladas na zona rural de Juiz de Fora appeared first on Tribuna de Minas.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.