No inferno das prisões, ala da Papuda de Maluf e Geddel é ‘VIP’


:: El Pais em 08/01/2018 00:02 ::

Se para os milhares de presos brasileiros o dia a dia nas cadeias é o de plena insalubridade com celas superlotadas, insetos e ratos transitando entre eles e tendo, muitas vezes, de dormir com o rosto ao lado de uma latrina, um seleto de grupo de acusados ou condenados por crimes do colarinho branco vive trancafiado em áreas especiais. Entre os presos da Operação Lava Jato e de outros escândalos de corrupção em Brasília, têm essas condições os deputados Paulo Maluf (PP-SP), condenado por corrupção passiva, e Celso Jacob (MDB-RJ), o ex-deputado e ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA), a quem pertencia, segundo a Polícia Federal, um bunker que escondia 51 milhões de reais em dinheiro, o ex-senador Luiz Estêvão (sem partido) e o delator e ex-executivo da JBS Ricardo Saud.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.