Jovem é condenado a 17 anos por homicídio durante o carnaval


:: TM Cidade em 10/01/2018 20:32 ::

julgamento-olavo.jpg(Foto: Olavo Prazeres)

Foi condenado a 17 anos de reclusão, inicialmente em regime fechado, Lucas Rodrigues da Silva, 20 anos, pelo assassinato de Dalton de Oliveira Queiroz, 28, morto em 2016 no Bairro Jóquei Clube I, na Zona Norte. O julgamento teve início às 12h30 desta quarta-feira (10) e encerrou-se por volta das 18h30 no Fórum Benjamin Colucci.

A sessão foi presidida pelo juiz Paulo Tristão.
Para o Ministério Público, o condenado agiu por motivo fútil, impossibilitando a defesa da vítima que foi surpreendida por disparos durante uma festividade de carnaval. Lucas foi preso um mês após o homicídio, sendo capturado em virtude de mandado de prisão expedido pela Justiça e cumprido pela equipe da Delegacia Especializada em Homicídios.

Dalton foi assassinado com três tiros na cabeça após intervir em uma briga familiar ocorrida na Rua Geraldo Vilella. O episódio violento aconteceu na tarde do dia 9 de fevereiro, após a vítima ter tentado apartar a confusão, separando os envolvidos. Lucas, no entanto, não teria gostado da atitude, discutiu com Dalton, entrou em casa e retornou armado, efetuando alguns disparos. A briga foi presenciada pela esposa da vítima, mas ela não viu o momento dos tiros porque havia pego seus filhos e entrado em sua residência. Ao ouvir os estampidos, a mulher voltou à rua e viu o esposo baleado.

Como informado à época pela Polícia Civil, Lucas estaria também envolvido em outro assassinato, em março de 2016, no Bairro Milho Branco, na mesma região. Desde então, ele estava preso no Ceresp. Em junho de 2017, Lucas já havia sido condenado a 20 anos de reclusão pela morte de Fernando de Paiva Batista.
Durante a leitura da sentença no Tribunal do Júri, foi negado o direito de o autor do crime recorrer em liberdade.

The post Jovem é condenado a 17 anos por homicídio durante o carnaval appeared first on Tribuna de Minas.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.