Vaticano investiga organização católica peruana por suspeita de pedofilia


:: El Pais em 11/01/2018 11:47 ::

Oito dias antes da visita do papa Francisco ao Peru, o Vaticano nomeou um representante para intervir no Sodalício de Vida Cristã, uma entidade de vida apostólica fundada em 1971, em Lima, por Fernando Figari. O Ministério Público do Peru pediu em dezembro nove meses de prisão preventiva para Figari por crimes de formação de quadrilha, sequestro qualificado e lesões corporais e psicológicas.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.