Guillermo del Toro: “A violência espiritual, física e moral que a família exerce à criança é o germe do horror”


:: El Pais em 12/01/2018 14:17 ::

Outro mundo – um verdadeiramente fantástico – é possível. Guillermo del Toro (Guadalajara, México, 1964), deu sua contribuição para aproximar esse desejo à realidade ao fazer com que um filme de gênero (fantástico) se levante como vencedor absoluto em um dos quatros grandes festivais de cinema do mundo (Veneza) e vença o Globo de Ouro de melhor direção (além de melhor trilha sonora). Um feito para a História e um tapa na cara do núcleo duro da crítica ancorado em uma ultrapassada concepção da sétima arte, segundo a qual o fantástico não é suficientemente sério.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.