O cérebro do roubo do século na França confessa seu crime por acreditar que tinha prescrito


:: El Pais em 14/02/2018 12:44 ::

Dizem que não há crime perfeito, mas o roubo de uma agência do banco francês Societé Générale em Nice em 1976 esteve perto de ser. Alguns ladrões conseguiram levar em julho desse ano 46 milhões de francos, cerca de 160 milhões de reais atuais, escavando um túnel pela rede de esgoto. Até tiveram o prazer de deixar uma mensagem à polícia em uma parede, vangloriando-se da limpeza da façanha: “Sem armas, sem ódio, sem violência”.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.