Estudantes melhoram marca em torneio nacional de baja


:: Diário Regional em 27/02/2018 14:15 ::

Os estudantes da equipe Rampage Baja, da Faculdade de Engenharia da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), alcançaram a 44ª posição na 24ª Competição Baja SAE Brasil. O torneio ocorreu entre os dias 22 e 25 de fevereiro, na cidade de São José dos Campos (SP), e contou com a participação de 84 equipes de diferentes instituições de ensino de todo o país.

A competição teve duas fases de avaliação. A primeira, estática, composta pelos processos do projeto: projeção, construção e validação de segurança, a partir de testes. Depois, ocorreram as avaliações dinâmicas, que englobam atribuições como velocidade, aceleração e o principal quesito, a resistência, que exige dos competidores que o carro consiga percorrer o circuito off-road por um período de quatro horas.

O baja foi pilotado pelo aluno do curso de Física, Mateus Salomão.

De acordo com a aluna de Ciências Contábeis Giovanna Campos Ribeiro, o desempenho da equipe foi positivo. “É a primeira vez que passamos de todas as fases em uma competição nacional e conseguimos competir no enduro. É uma experiência incrível, por podermos trocar conhecimento com pessoas de diferentes Estados, ver outros carros correndo e ver todos os estudantes empenhados em busca de um mesmo sonho.”

A preparação para o nacional 2018 começou em setembro de 2017, logo em seguida do torneio regional, que ocorreu em agosto do ano passado. Giovanna destaca que os desafios valem a pena e são constantes, indo desde a busca por patrocínio e venda de rifas, para arrecadar meios de executar o projeto, até horas intermináveis de trabalho para ver tudo sair do papel. “Dessa vez, uma das maiores dificuldades foi um problema com o motor, que precisou ser trocado. Foi uma correria para conseguirmos comprar um novo e fazer todos os ajustes antes da competição. Mas com essas experiências ficamos mais preparados e vemos o quanto somos capazes. É muito bom vencer obstáculos.”

A equipe da UFJF foi composta por 28 membros dos mais diversos cursos de Engenharia, Ciências Contábeis, Economia e do Instituto de Artes e Design (IAD). O ganhador irá competir na fase internacional do torneio nos Estados Unidos.

Sobre a SAE

A SAE é uma sociedade fundada em 1905, que tem como foco desenvolvimentos em engenharia. As competições de Baja foram criadas em 1976 e introduzidas em nosso país em 1995 pela SAE Brasil, filiada à SAE International. No Brasil, além das competições Baja, a sociedade realiza disputas entre estudantes em áreas como a aeronáutica e carros fórmula.

Anúncios