Margarida já indicou R$ 27,5 milhões para Juiz de Fora


:: Margarida Salomão em 14/03/2018 11:04 ::

Como deputada federal majoritária em Juiz de Fora, Margarida Salomão discute com comunidade, gestores e conselhos a indicação de emendas, buscando atender as prioridades da população. O mandato acompanha todas as etapas, do cadastro à execução, para que os recursos não sejam perdidos. Desde o primeiro ano que tomou posse na Câmara, em 2013, ela já indicou R$ 27,5 milhões para o município. As áreas mais contempladas foram saúde e educação.

Saúde

Na saúde, o montante indicado chega a R$ 9,85 milhões. Mais de R$ 1,2 milhão foi destinado à aquisição de equipamentos para unidades básicas de saúde em toda a cidade, aos CAPS, e à estruturação do departamento de Atenção Domiciliar.

Todos estes projetos estão em fase de licitação, segundo informação da Prefeitura.

Através das indicações anteriores da deputada, no total de R$ 2 milhões, estão previstas obras nas UAPs de Santa Luzia, Santa Rita, Bandeirantes, Progresso, no bairro Benfica para a instalação do Centro de Especialidades, nas UPAs de São Pedro e Santa Luzia, e na Regional Leste. Para este ano, serão destinados mais R$ 2,2 milhões para a construção da UBS do Manoel Honório, do Parque Independência e implantação da UAPS do Mariano Procópio que também vai cobrir o Democrata, reivindicações antigas dos moradores que sofrem com a falta de cobertura da atenção básica.

Buscando ajudar a minimizar os problemas em todos os níveis de atenção à saúde, Margarida também destinou R$ 1 milhão para o HPS que foi investido em medicamentos e insumos, R$250 mil para aquisição de equipamentos pelo Hospital João Penido, R$ 200 mil para a Ascomcer e R$ 250 mil para a Santa Casa. Também receberão recursos o Hospital Maternidade Therezinha de Jesus e a APAE, nos valores R$ 203,27 mil e R$ R$ 82,87 mil, respectivamente.

20180222-Carrocel_JF_SITE_CARD1-250x189.png

Educação

Ao todo, foram indicados R$ 10,83 mil para a educação. No ensino fundamental, R$ 740 mil foram destinados para ampliação das escolas municipais Antônio Faustinho da Silva (bairro Três Moinhos), José Calil Ahouagi (Marilândia), Santa Cândida (Santa Cândida) e Maria Catarina Barbosa (Ponte Preta) que estão com os projetos encaminhados. Para a Superintendência Regional de Ensino, do estado, a deputada indicou R$ 1,1 milhão que contempla várias escolas da cidade, tanto para obras quanto para aquisição de equipamentos.

Como ex-reitora e diante dos cortes que as universidades federais estão sofrendo com o governo Temer, a deputada também tem contribuído com recursos para a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e para o IF Sudeste. Para a UFJF, foram indicados R$ 8,49 milhões durante todo o seu mandato, que contribuem para o financiamento de projetos de pesquisa e pós-graduação, e também de extensão, nas áreas de esporte, cultura, educação e geração de renda. Esses projetos de extensão tem grande impacto social. O Futebol UFJF da Faefid, por exemplo, mobiliza centenas de jovens da região para treinarem e disputarem profissionalmente. De 2016 ao final de 2017, a parceria com o Uberabinha, um time tradicional da cidade foi muito importante. Também é através dos projetos de extensão que são oferecidas oficinas em diversas modalidades, de teatro, música, profissionalização, e até produção de alimentos, atendendo várias faixas etárias em toda a cidade.

Segurança

Margarida indicou R$ 2,58 milhões para segurança. Neste ano, ela está indicando R$ 700 mil para a Polícia Militar de Minas Gerais, com o intuito de melhorar o Centro de Operações (Copom) e R$ 118 mil para aquisição de uma viatura específica para patrulhamento rural. Ela já destinou R$ 300 mil para reaparelhamento da delegacia regional da Polícia Civil e da delegacia especializada da mulher em Juiz de Fora e R$ 550 mil para compra de um caminhão autobomba para o Corpo de Bombeiros.

Esporte, cultura e lazer

Para a deputada, é preciso investir em prevenção. Por isso, ela dedicou R$ 2,34 milhões para a Secretaria de Esportes do município. Um dos projetos que ela tem orgulho é o Programa de Esporte e Lazer na Cidade (PELC) que deve atender cerca de 800 pessoas e já está em funcionamento com dois núcleos, um na Zona Sul e outro na Zona Norte, oferecendo várias atividades: vôlei, handebol, futebol basquete, lutas, artesanato, danças, mesa de leitura, caminhada, entre outras.

Reformar e revitalizar espaços de lazer, esporte e cultura da comunidade também é compromisso da parlamentar que já destinou cerca de R$ 2 milhões com este propósito. Nos bairros de São Damião, Amazônia e Nova Era foram realizadas obras nos campos e, em breve devem ser contempladas as praças dos bairros Centenário, Esplanada, Santa Rita e Bela Aurora. Está previsto para este ano as indicação dos recursos para reformas nas praças de Benfica e do Carlos Chagas.

Margarida também indicou academias de ginástica que contemplam todas as regiões da cidade que já estão na Secretaria de Esportes aguardando a instalação.

Na cultura, Margarida destinou recursos para projetos via UFJF, como o Ponto do Samba e o Festival Primeiro Plano, além da Funalfa com o Edital de Curtas que está acontecendo e o Edital de Artes Urbanas.

The post Margarida já indicou R$ 27,5 milhões para Juiz de Fora appeared first on Margarida Salomão.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios