Rodoviários sinalizam greve para a próxima segunda-feira


:: TM Economia em 14/03/2018 20:59 ::

Os ônibus urbanos podem parar em Juiz de Fora nas primeiras horas da próxima segunda-feira (19), quando motoristas e cobradores podem deflagrar um movimento grevista. Segundo informações repassadas à reportagem, na noite desta quarta-feira (14), pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários (Sinttro), a decisão foi motivada pela falta de entendimento nas negociações mantidas com as empresas responsáveis pela prestação do serviço na cidade, durante reunião realizada na tarde do mesmo dia no Ministério do Trabalho. Em duas assembleias realizadas na última terça-feira (13), a categoria já havia refutado propostas apresentadas pelos empresários e pelo próprio Ministério do Trabalho que intermedeia as negociações.

Com o aval dos trabalhadores, o Sinttro voltou a defender proposta própria durante a reunião desta quarta-feira.

Como não houve avanços, prevaleceu decisão da assembleia, com validação de indicativo de greve. Assim, os representantes da categoria devem iniciar o cumprimento de medidas protocolares para comunicar às empresas e ao poder público sobre a decisão pelo estado de greve a ser iniciado já na próxima segunda-feira. Tal informação deve ser feita a partir desta quinta-feira (15), com publicação prevista para esta sexta-feira. A assessoria de comunicação do Sinttro ponderou que o movimento poderá ser suspenso caso haja negociação nos próximos dias.

As conversas entre empregados e empregadores já se arrastam, uma vez que a data-base da categoria é o dia 1º de fevereiro. Segundo o Sinttro, a categoria reivindica ganho real no reajuste salarial e aumento no tíquete-alimentação. Em nota divulgada na última terça-feira, a direção do sindicato afirmou que “está sempre aberta ao diálogo com as empresas e lamenta para a população ter de lançar mão da greve”. A Tribuna tentou falar com o Cinturb à noite mas não conseguiu contato.

The post Rodoviários sinalizam greve para a próxima segunda-feira appeared first on Tribuna de Minas.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios