Professora da University of Texas abre I Colóquio Interartes e Comunicação


:: UFJF em 14/05/2018 19:10 ::

coloquio2-630x419.jpg

Doutora e pesquisadora de animação Christine Veras falou sobre a pesquisa experimental em arte e tecnologia (Foto: Gustavo Tempone/UFJF)

Com o objetivo de explorar uma perspectiva interdisciplinar nos campos da comunicação e das artes, refletindo sobre os trânsitos entre mídias e as mudanças propiciadas pelo avanço tecnológico, teve início, nesta segunda-feira, 14, o I Colóquio Interartes e Comunicação.

O evento acontece na Faculdade de Comunicação (Facom) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), nos dias 14, 15 e 16 de maio, sendo resultado da colaboração entre três grupos de pesquisa da unidade.

A abertura do evento aconteceu às 14h, com a apresentação da palestra “A pesquisa experimental em arte e tecnologia: especificidades e expansões” pela professora, doutora e pesquisadora de animação Christine Veras, da University of Texas at Dallas. Ela desenvolve um estudo sobre animação a partir de instrumentos ópticos e mecânicos e discursou sobre as especificidades e a presença de tais elementos na contemporaneidade, onde a animação digital, sobretudo nas telas de cinema, ganha cada vez mais espaço. “Foi uma honra receber o convite para estar aqui hoje. Essa é a primeira vez que estou tendo a oportunidade de falar sobre a minha pesquisa no meu próprio país e fico muito feliz em, ao mesmo tempo, poder divulgar o meu trabalho e, através dele, inspirar outras pessoas que tenham interesse pelo assunto”.

Além da palestra de abertura, houve a apresentação de trabalhos de professores e alunos nas mesas “Cinema como arte e forma de pensamento e as passagens Interartes no audiovisual” e “Estética e Cinema”, mediadas respectivamente pela professora e coordenadora do curso de Rádio, TV e Internet Erika Savernini e pelo professor e vice-diretor da Facom, Nilson Alvarenga. Ainda nesta segunda, aconteceu o lançamento do livro “Estudos Literários-Visuais: abordagens de um projeto de extensão interdisciplinar”, organizado por Carlos Eduardo Japiassú de Queiroz e Wellington Júnio Costa.

Articulação
Os grupos de pesquisa “Estética e Pensamento Cinematográfico”, “Narrativas e outras textualidades” e “Conexões expandidas”, coordenados respectivamente pelas professoras Erika Savernini, Teresa Neves e Soraya Ferreira, deram origem ao diálogo que propiciou a realização do evento. Erika comenta como se deu a escolha dos professores e pesquisadores convidados, explicando que um dos objetivos principais foi a articulação dos grupos internos da Facom e a publicização dos seus trabalhos. “Mas também o estabelecimento ou reforço de laços com pesquisadores e professores de outras instituições, nacionais e internacionais, que tenham alguma relação com alguma de nós, organizadoras, no intuito de se criar uma rede de difusão e aprofundamento do conhecimento que vem sendo construído.”

Assim como Erika, Teresa Neves também está à frente do evento e comentou sobre a importância deste em celebrar a interdisciplinaridade entre arte, comunicação e as demais áreas do saber na Faculdade. “A arte é necessária para a vida de um modo geral, mas, especificamente para a comunicação, ela é fundamental porque nossos processos não podem se reduzir a seu caráter informativo ou meramente técnico. A partir de uma perspectiva artística, é possível enriquecer os produtos que estão em circulação para além de suas meras funções e, com isso, abre-se um horizonte de consumo com novas possibilidades de visões de mundo.”

O I Colóquio Interartes e Comunicação vai até quarta-feira, 16, com início sempre às 13h30, na Sala de Demonstração da Facom. As inscrições já se encontram encerradas. Acesse aqui a programação completa.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios