Lars von Trier: “Talvez meu público tenha envelhecido para algumas sequências violentas”


:: El Pais em 16/05/2018 17:59 ::

O alcoolismo passou a fatura. Ele mesmo admitiu isso há um mês, numa entrevista publicada no YouTube, onde aparecia com seu aspecto atual, cabelo comprido e barba grisalha. Em pessoa, chama muito mais a atenção o tremor de suas mãos e seus balbucios. Precisa de uma mão para pegar uma garrafinha de água, e da outra para subi-la e descê-la. Por isso, agora destoa o “fuck” que tem tatuado nos nódulos da mão direita. Aos 62 anos recém-completos, o dinamarquês Lars von Trier parece o pai do cineasta que há sete anos foi expulso de Cannes e declarado persona non grata depois da turbulenta entrevista coletiva de Melancolia.

Ali disse: “Entendo Hitler. Não se pode dizer que seja um sujeito estupendo… mas me cai bem. Não sou a favor da Segunda Guerra Mundial, e sou a favor dos judeus… Embora não muito, porque Israel costuma nos ferrar bastante”. Ele mesmo, dias depois, afirmou que a maioria não entendeu o tom de suas frases, e que seu pai era judeu. Mas o dano já estava feito. “Em meu país mal que teve repercussão, porque entenderam o contexto.”

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios