O estranho caso do livro que custava mais de 10.000 reais na Amazon


:: El Pais em 12/08/2018 21:19 ::

Deborah MacGillivray é uma autora escocesa de romance romântico. Publica por uma pequena editora –Kensington– e não é especialmente conhecida. Não tem sequer uma página na Wikipédia, embora uma pequena comunidade de fãs de romances românticos na Espanha a liste em seu site. Tem 5.159 seguidores no Twitter. Ela costuma usar chapéu e deixa que as capas de seus livros sejam ilustradas da maneira mais kitsch. Isso inclui figuras com cota de malha e musculosos torsos descobertos. Em sua biografia, se gaba de colecionar espadas e barbies.

Não publicou muito, apenas oito romances. Ninguém pensaria em tentar ficar rico vendendo um exemplar de nenhum deles porque podem ser encontrados por menos de um dólar. E, no entanto, isso acontece. Foi a própria autora que denunciou que alguém na Amazon estava tentando vender One Snowy Night, romance que encantou a resenhista especializada em affaires medievais do portal Coffee Time Romance, por 2.630,52 dólares (aproximadamente 10.172 reais). Por quê?, perguntou ela. Por acaso tem gente tentando a sorte até um extremo tão delirante naquela que hoje é considerada a maior livraria do mundo? O gigante deveria permitir isso? É isso o livre mercado do livro? Tentar enganar o comprador desavisado?

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios