Em flagrante


:: Janio de Freitas em 16/09/2018 03:01 ::

A última decisão do ministro Dias Toffoli antes de assumir a presidência do Supremo é um flagrante, exposto com clareza rara, dos abusos de poder e artimanhas que têm acometido inúmeros processos da Lava Jato. Desta vez não caberá a alegação de ?mais um rompante de Gilmar Mendes contra a Lava Jato?. Leia mais (09/16/2018 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios