O último apelo de Ciro Gomes para ser a alternativa da esquerda e da direita


:: El Pais em 03/10/2018 23:29 ::

Estagnado há várias pesquisas em terceiro lugar, com uma taxa próxima a 11% dos votos, Ciro Gomes (PDT) busca um urgente fôlego final nas últimas horas que antecedem a eleição. O candidato pedetista quer se firmar como alternativa à polarização entre os dois primeiros colocados nas pesquisas, Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), e, por isso, se empenha em emplacar a imagem de que é a melhor solução tanto para os que odeiam o militar reformado quando para os que não suportam o partido de Luiz Inácio Lula da Silva.

Para os primeiros, se reforça como o único candidato capaz de vencer Bolsonaro no segundo turno com folga —Haddad empata tecnicamente com o candidato do PSL. Já, para os segundos, se coloca como o único candidato mais ao centro com alguma chance de alcançar o segundo turno —Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (REDE) e todos os demais apresentam taxas mais baixas de intenção de voto— o que lançou entre seus partidários, o apelo a uma união desses candidatos em torno do pedetista.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios