Bolsonaro poderia retornar a Juiz de Fora antes do 2º turno


:: TM Política em 08/10/2018 20:04 ::

Depois de avançar para o segundo turno das eleições 2018, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) estaria planejando uma nova vinda a Juiz de Fora antes do dia 28 de outubro, data em que os eleitores elegerão o novo presidente do país. A possibilidade foi levantada pelo portal UOL nesta segunda-feira (8). O retorno do político ao município, no entanto, foi considerado remoto pelo presidente da Associação Comercial de Juiz de Fora, Aloísio Vasconcellos. “Acho pouco provável que ele tenha condições de sair de casa nos próximos 20 dias.

Junto ao deputado federal Marcelo Alvaro Antônio (PSL) – reeleito para a Câmara no domingo (7) -, Aloísio pleitea o retorno de Bolsonaro à cidade, embora, em sua opinião, ele acredita que “seja difícil, porque ele ainda está bem debilitado apesar de estar em recuperação”, após o atentado sofrido no dia 6 de setembro.

Junto aos médicos Paulo Gonçalves Júnior e Rodrigo Quinet, ambos da Santa Casa de Misericórdia, Aloísio visitou, na última quinta (4), o candidato em sua residência, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

“Bolsonaro tem um carinho muito especial com Juiz de Fora, o que manifesta em todas as oportunidades, mas eu tenho quase certeza que a visita será inviável por conta do estado de saúde dele”, afirmou o presidente da Associação Comercial, responsável por articular a primeira visita, há pouco mais de um mês. Segundo a reportagem do UOL, o retorno a Juiz de Fora “é visto com preocupação pela equipe de segurança, mas considerada estratégica para o candidato e sua equipe de campanha”, uma vez que o presidenciável “pretende demonstrar coragem e gratidão à população do município mineiro e aos funcionários da Santa Casa da cidade”.

Com cerca de 46%,03 dos votos, a disputa de Jair Bolsonaro será com Fernando Haddad (PT), segundo candidato mais votado neste domingo, com 29,30%.

O post Bolsonaro poderia retornar a Juiz de Fora antes do 2º turno apareceu primeiro em Tribuna de Minas.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios