Os recados do STF a Bolsonaro sobre “autoritarismo” e Escola Sem Partido


:: El Pais em 01/11/2018 00:24 ::

Quando a sessão foi encerrada, oito ministros tinham acompanhado o voto de Lúcia, relatora do processo, formando unanimidade e definindo a questão. Vários magistrados criticaram as ações dentro das universidades, fazendo comparações com a ditadura militar (1964-1985) e com o nazismo. Lúcia afirmou que todos sabem que “onde vai dar [este tipo de ação] não é o caminho do direito democrático”, e que o “exercício de autoridade não pode se transformar em ato de autoritarismo”.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios