A Saúde precisa de recursos sempre


:: TM Opinião em 08/11/2018 08:18 ::

Louvável a mobilização recente pelo Hospital Santa Casa, como também o anúncio de R$ 2 milhões em emendas parlamentares para a Associação Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer de Juiz de Fora (Ascomcer). Parabenizo o deputado e futuro presidente Jair Bolsonaro pela inciativa. Aproveito a ocasião para pedir que o presidente eleito reconsidere sua decisão quando votou a favor da Emenda Constitucional 95 e revogue essa emenda que congela os investimentos públicos na saúde, na educação e na segurança, entre outras áreas fundamentais, por 20 anos, precarizando cada vez mais os serviços públicos e prejudicando a população.

As Santas Casas e outros hospitais filantrópicos de todo o Brasil estão em grandes dificuldades, algumas entidades prestes a fechar as portas, com a redução dos repasses públicos causada por essa medida.

Como paliativo, tenho destinado recursos por emendas parlamentares e defendo na Câmara a revogação dessa emenda. Ao longo de minha atuação, já indiquei R$ 8,28 milhões para hospitais da nossa região, beneficiando 16 municípios. Para Juiz de Fora, em toda a rede de saúde, destinei R$ 10,3 milhões, sendo R$ 3,28 milhões para a Maternidade Santa Therezinha de Jesus, o Hospital Ana Nery, o HPS, o Hospital Regional João Penido, as UPAs São Pedro e Santa Luzia, a Regional Leste, além da Ascomcer e da Santa Casa.

Sim, é minha obrigação parlamentar ajudar as entidades que prestam socorro à nossa sofrida população que depende unicamente do SUS. E, por isso, não será apenas com emendas, pelas quais os provedores e diretores lutam, passando o chapéu junto às bancadas, que vamos resolver a situação de penúria que enfrentam nos últimos anos. Até mesmo porque a tramitação das emendas é lenta, burocrática e, muitas vezes, não se completa por conta de justificativas técnicas ou “contingenciamento”, como já aconteceu com recursos que indicamos para a cidade.

Precisamos fortalecer o Sistema Único de Saúde, com uma política permanente de sustentação, que possa cumprir o que está determinado na nossa Constituição: a universalidade do acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência.

Mais uma vez, parabenizo a todos que estão se mobilizando para ajudar a Santa Casa e a Ascomcer de Juiz de Fora. Reforço o convite para que se posicionem também na defesa do SUS e de todas as entidades que prestam serviços pelo sistema, cobrando do novo Congresso e Governo que desatem os nós que amarram as verbas da Saúde, a começar pelo fim da Emenda Constitucional 95.

Este espaço é livre para a circulação de ideias e a Tribuna respeita a pluralidade de opiniões. Os artigos para essa seção serão recebidos por e-mail (leitores@tribunademinas.com.br) e devem ter, no máximo, 35 linhas (de 70 caracteres) com identificação do autor e telefone de contato. O envio da foto é facultativo e pode ser feito pelo mesmo endereço de e-mail.

O post A Saúde precisa de recursos sempre apareceu primeiro em Tribuna de Minas.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios