JF: Familiares pedem melhor tratamento a presos do sistema prisional


:: TV Alterosa em 09/11/2018 15:28 ::

Clique na imagem para ver o vídeo:
0.jpg

08-11-2018

Por telefone, o juiz Evaldo Elias informou que não está na cidade. Na próxima semana, ele deve receber as reivindicações dos detenos e dos familiares para apurar as reclamações. Uma nova inspeção pode ser feita no sistema prisional de Juiz de Fora.

Ainda segundo o juiz, ontem a promotora de justiça da Vara de Execuções Penais, Sandra Fátima Totte, fez uma inspeção de urgência no local. A Secretaria de Administração Prisional informou que somente em Juiz de Fora são aproximadamente 2.550 presos. Sobre possíveis ameaças e agressões aos dententos, por parte de agentes penitenciários, a SEAP afirmou que é preciso que o denunciante informe mais detalhes sobre o fato específico, para que seja apurada a procedência. A SEAP ainda disse que a separação dos medicamentos psicotrópicos é realizada pelo núcleo de enfermagem das unidades prisionais. E a distribuição do medicamento é feita em horários e dias de acordo com a prescrição médica. Com relação à alimentação, a secretaria informou que a refeição servida aos presos é a mesma consumida pelos servidores das unidades prisionais e não há registros de reclamações sobre a qualidade. As denúncias de possíveis desvios de conduta de servidores públicos devem ser feitas diretamente à SEAP ou à ouvidoria geral do estado, que abriga em sua estrutura a ouvidoria do sistema prisional, por meio do disque-ouvidoria 162.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios