A asfixiante vida dos venezuelanos depois de um ano de hiperinflação


:: El Pais em 04/12/2018 15:22 ::

Os números na Venezuela já não dizem mais nada. Em novembro do ano passado houve uma inflação recorde: os preços subiram naquele mês 57%, segundo o monitoramento feito pela Assembleia Nacional. A Venezuela entrou na temida hiperinflação que se previa havia dois anos. Embora o índice de novembro deste ano ainda seja desconhecido, em outubro já triplicou o registrado um ano antes, um percentual escandaloso para os economistas e que se torna sufocante na vida cotidiana. Na sexta-feira, 30, as autoridades venezuelanas anunciaram uma desvalorização de 43% do bolívar. Um dia antes, aumentaram o salário em 150%.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios