A quarta onda do feminismo e o mundo gay se estranham


:: El Pais em 17/11/2018 20:01 ::

O feminismo e o mundo gay, antes companheiros de viagem, hoje estão se estranhando. Muitos já sabem, mas nem todos querem reconhecer publicamente. Não se trata apenas da questão das barrigas de aluguel, apesar de esse assunto ter aberto uma lacuna que não se fecha – no caso, só aumenta. O que já se reconhece como quarta onda do feminismo – aquela que atualmente leva à rua milhões de mulheres, organiza o revolucionário MeToo, tenta mudar a política, abraça a ecologia e rejeita o capitalismo em sua versão mais dura – é uma onda que não se compadece de certos comportamentos do mundo gay.
Continuar lendo

Anúncios

O Deus medieval que Trump e Bolsonaro tentam desenterrar


:: El Pais em 17/11/2018 18:41 ::

Segundo Ernesto Araújo, o futuro ministro brasileiro de Relações Exteriores, Donald Trump e Jair Bolsonaro são dois deuses chamados para salvar a decadente civilização ocidental e com ela os Estados Unidos e o Brasil. Tudo sob o manto protetor do Deus medieval da ira. No Brasil, o país com o maior número de cristãos no mundo, os políticos usam e abusam da religião. Deus de repente se tornou algo perigoso, encarnado no slogan do novo presidente brasileiro, o capitão Jair Bolsonaro: “Deus acima de todos”.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

General Heleno, o estrategista que Jair Bolsonaro instalou a uma escadaria de distância


:: El Pais em 17/11/2018 18:41 ::

Com a vitória nas urnas, deixou de ser um simples conselheiro. Primeiro, foi alçado a futuro ministro da Defesa. Todavia, como o presidente o queria mais próximo, aceitou uma espécie de promoção para o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) – órgão responsável por fomentar toda atividade de inteligência do Governo federal. Desde então, sempre que Bolsonaro vai tomar uma decisão importante, um dos primeiros a ser consultado é Heleno. Opina sobre tudo, desde que seja perguntado. É o principal estrategista do Governo.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

16 motivos para pensar que, efetivamente, os japoneses são de Marte


:: El Pais em 17/11/2018 17:11 ::

1. Um país sem lixeiras (nem lixo no chão)

No Japão, as crianças são educadas desde pequenas para não jogar o lixo na lixeira… e a levá-lo para casa. É por isso que quase não há latas de lixo em espaços públicos. Se você tem um papel, uma embalagem ou uma ponta de cigarro … leva no bolso até chegar em casa. E ainda assim, não se vê nada jogado nas calçadas. Um grupo de marcianos.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Por que Jorja Smith é a Lauryn Hill da nova geração


:: El Pais em 17/11/2018 16:31 ::

Há três anos Jorja Smith era uma total desconhecida que vivia com a tia e o tio em Londres, trabalhava na Starbucks e no tempo livre escrevia canções. Agora faz shows com entradas esgotadas, ganhou o Prêmio da Crítica Britânica 2018, o Brit Awards. e a crítica diz que é a sucessora de Lauryn Hill. Como aconteceu com a norte-americana há 20 anos com sua estreia, The Miseducation of Lauryn Hill, o primeiro álbum de Jorja Smith, Lost & Found, é considerado um dos lançamentos do ano.
Continuar lendo

Sem pressa pelo sul da Itália


:: El Pais em 17/11/2018 15:46 ::

De seus 15 metros de altura, um jovem e atraente San Genaro, patrono de Nápoles, olha com um gesto mais próprio de um catálogo de moda do que de uma pintura religiosa. É a obra do artista urbano Jorit, um criador que através de murais gigantes e super-realistas (também é seu o mural do outro santo de Nápoles, Maradona) colocou a arte moderna nas ruas de uma cidade ancorada no passado. Isso é Nápoles, aferrada a sua história e sua tradição, mas também ao seu caos e sua sujeira, como se seus vícios e suas virtudes fosses os dois lados de uma mesma moeda.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Rumo ao feminismo especulativo


:: El Pais em 17/11/2018 14:26 ::

Há dois anos, o aumento de sua presença tem sido notado nas prateleiras das livrarias: reescritas, reboots de mitos, lendas e contos clássicos, assim como a apropriação de gêneros pop como o terror, a distopia a ficção científica, o pastiche e a metaficção pós-moderna. Com uma perspectiva de gênero e por meio de um giro sugestivo e eclético em gêneros não realistas, o feminismo especulativo veio para ficar. Mas quais são suas referências? E o que é o feminismo especulativo?

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.