Se como homem você se ofende com o anúncio da Gillette, você tem um problema


:: El Pais em 16/01/2019 22:08 ::

Vejamos, com o dicionário na mão: da masculinidade se diz que é a “qualidade de masculino”. A definição de masculino: “Pertencente ou relativo aos animais machos; destinado só aos homens ou que se compõe só de homens”. No último anúncio da Gillette, que foi lançado no domingo e virou a grande polêmica da semana, aparecem homens que tentam deter outros homens que brigam, homens que repreendem outros que assediam mulheres, e homens que pedem a outros homens que deixem as mulheres falarem em vez de interrompê-las para corrigi-las. Também há crianças fazendo bullying com outras pela Internet ou dando-lhes surras no pátio do colégio.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Anúncios

Impasse sobre o Brexit dá esperança a partidários de um segundo referendo


:: El Pais em 16/01/2019 21:23 ::

Era um objetivo impossível, porque a rejeição de um bom número de deputados conservadores ao plano do Brexit de Theresa May nunca se transformaria na deslealdade extrema de apoiar a queda de seu próprio Governo. A moção de censura lançada a contragosto pelo líder trabalhista Jeremy Corbyn foi rejeitada na quarta-feira pelo Parlamento por 325 votos a 306. May conseguiu extrair força da fraqueza de seu adversário, e o trabalhista — esgotada a tentativa de forçar novas eleições — recebeu imediatamente pressões de suas próprias fileiras para abandonar sua ambiguidade e apoiar um novo referendo.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

O chanceler quer apagar a história do Brasil


:: El Pais em 16/01/2019 19:58 ::

“Vamos ler menos The New York Times, e mais José de Alencar e Gonçalves Dias”, afirmou o chanceler do bolsonarismo, Ernesto Araújo, em seu discurso de posse. Por quê?

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Criança de 7 anos morre em acidente com arma do avô


:: El Pais em 16/01/2019 19:58 ::

O caso de L. E. S. é uma gota no oceano de tragédias semelhantes, fruto da combinação letal entre crianças e armas de fogo. De acordo com os dados mais recentes do Ministério da Saúde, de 2017, naquele ano ao menos 108 crianças com entre menos de um ano a até nove anos perderam a vida em acidentes deste tipo, ou em casos de violência doméstica que culminou com infanticídio em todo o país. Especialistas em segurança pública apostam que o aumento no número de armas em casa, consequência da flexibilização do Estatuto do Desarmamento por parte do presidente Jair Bolsonaro, que assinou um decreto facilitando a posse de armas (possibilidade de ter armas em casa) pela população, podem levar ao crescimento do número de vítimas de acidentes como o que matou L.
Continuar lendo

Cristiano Ronaldo decide, Juventus bate Milan e fatura a Supercopa da Itália


:: El Pais em 16/01/2019 18:28 ::

A Juventus venceu o Milan por 1 a 0, em Jeddah, na Arábia Saudita, e se tornou campeão da Supercopa da Itália. O gol foi marcado por Cristiano Ronaldo, aos 15 minutos da etapa final. O primeiro tempo foi equilibrado em sua maior parte, mas a Juve criou as três principais chances; sempre chegando pela direita, o clube bianconero assustou o goleiro Donnarumma com finalizações perigosas de Douglas Costa, João Cancelo e Cristiano, mas sem acertar o gol.
Continuar lendo

Kate Moss: 45 anos quebrando todas as regras


:: El Pais em 16/01/2019 18:28 ::

Em 2007, quando o Victoria & Albert Museum, em Londres, dedicou uma exposição à era dourada da alta costura, Kate Moss chegou à inauguração com um vestido Christian Dior vintage de cetim cor champanhe. Até aí, nada demais. No entanto, logo após entrar no museu, a cantora Courtney Love pisou por acidente na cauda do vestido, provocando um pequeno rasgão que nas horas seguintes se transformou numa cratera.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

May sobrevive à frente do Governo britânico após revés em acordo do Brexit


:: El Pais em 16/01/2019 18:28 ::

O Parlamento britânico não acredita no acordo do Brexit entre Theresa May e a União Europeia, mas não perdeu a confiança em sua primeira-ministra. May passou hoje por uma moção de censura votada na Câmara dos Comuns. A “moção de desconfiança”, em termos ingleses, foi apresentada na terça-feira pelo líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corbyn, após a ressonante rejeição dos deputados ao plano para o Brexit acordado entre Londres e Bruxelas.
Continuar lendo