Atibaia: Lula já foi condenado


:: Paulo Henrique Amorim em 17/11/2018 12:41 ::

Clique na imagem para ver o vídeo:
0.jpg

Como disse o deputado Paulo Pimenta, o Judge Murrow, futuro Presidente da Justissa – não deixe de votar em trepidante enquete “quanto tempo ele vai durar? – conversaafiada.com.br/politica/quanto-tempo-ministro-moro-vai-durar/” – armou a exoneração da Vara de Curitiba para garantir a degola de Lula na corda do pedalinho de ouro do sítio de Atibaia, de propriedade do filho do Jacó Bittar.
Continuar lendo

Anúncios

Duas Europas (Norte e Sul)


:: Paulo Gala em 16/11/2018 20:46 ::

A introdução do Euro causou forte desindustrialização do sul da Europa. As industriais se aglomeraram ainda mais na Alemanha em busca das economias de escala, provocando uma configuração espacial de polarização a la Krugman (1999). Nesse tipo de modelagem de Krugman e Fujita, retornos crescentes e “non-tradability” de insumos geram economias de aglomeração exatamente como fazem o C. Hidalgo e […]

O post Duas Europas (Norte e Sul) apareceu primeiro em Paulo Gala.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Da arte de desaparecer


:: Vladimir Safatle em 16/11/2018 02:31 ::

“A universidade é um locus de debate. Formamos cidadãos.” Em outro contexto, essas palavras do reitor da Universidade de São Paulo, Vahan Agopyan, enunciadas em entrevista desta semana, passariam por uma constatação trivial sem maiores consequências. Hoje, ela expressa uma posição corajosa a respeito da pluralidade e da liberdade inerentes à universidade como projeto. Leia mais (11/16/2018 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Colônias e Metrópoles: tecidos levam à riqueza e vinhos à pobreza


:: Paulo Gala em 15/11/2018 19:52 ::

Uma maneira fácil de pensar na divisão do mundo colonial pós 1500 usando jargão corrente em economia seria: colonias se especializam em atividades sujeitas a retornos decrescentes (cafe, açúcar, algodão, vinho), metrópoles se especializam na produção de atividades com retornos crescentes (tecidos, trens, navios, maquinas e equipamentos). As atividades com retornos crescentes de escala trazem […]

O post Colônias e Metrópoles: tecidos levam à riqueza e vinhos à pobreza apareceu primeiro em Paulo Gala.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Antonio Serra explica a riqueza de Veneza e pobreza de Nápoles nos 1600


:: Paulo Gala em 15/11/2018 09:53 ::

Veneza se tornou poderosa aos olhos de Antonio Serra porque conseguiu criar um cluster de indústrias, inovação, comércio e pessoas qualificadas, num processo de “cumulação causativa” a la Myrdal. Estes fatores juntos colocaram Veneza numa trajetória diferente daquela em que Nápoles se encontrava. Para A. Serra, Nápoles não seria capaz de resolver seus problemas econômicos […]

O post Antonio Serra explica a riqueza de Veneza e pobreza de Nápoles nos 1600 apareceu primeiro em Paulo Gala.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Além do limite


:: Janio de Freitas em 15/11/2018 03:02 ::

A sucessão de entrevistas e de outras presenças de generais no jornalismo comprova, por si só, a relevância preocupante dada pela opinião pública ao retorno dos militares à superfície política. Leia mais (11/15/2018 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Recusa-se, aqui, a ideia de uma liga europeia sem rebaixamento


:: Juca Kfouri em 15/11/2018 02:37 ::

Esclareço que a referência ao faturamento do Real Madrid de 80 milhões de euros, aqui referido na coluna da última quinta-feira (8), diz respeito apenas à Liga dos Campeões. Leia mais (11/15/2018 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.